Dezembro 30 2012

Ontem confirmaram-se as minhas suspeitas. Há muito mais ironia e humor nos portugueses do que à primeira vista admitimos. Habitualmente somos caracterizados pela expressão da saudade e do fado, no seu tom de dramatismo e profundidade, o que oculta o lado sarcástico e humorado dos portugueses.

 

No primeiro canal do serviço público foi ontem emitido um programa que convidava os telespetadores à eleição da canção do ano. Louvei a iniciativa, aplaudindo aquilo que é uma parte fundamental do serviço público, a promoção da música nacional e a criação artística.

 

Confesso que as canções finalistas não me eram particularmente entusiasmantes mas os gostos são a expressão da estética de cada um e eu respeito-os. Aliás, este texto não pretende criticar a escolha do tema do Emanuel “Baby és uma bomba”, não obstante essa eleição demonstrar por si só a expressão humorada dos portugueses. Como refiro, deixo de lado a estética da canção. Recuso-me a discuti-la.

 

O que me interessou naquela votação dos portugueses foi a inequívoca prova de ironia que tal encerra. Na verdade, a canção portuguesa escolhida foi afinal a única que nem sequer em português era totalmente interpretada. Logo percebi todo o humor por de trás daquela opção.

 

Não há dúvida que se abre um espaço para outros programas similares na RTP. Programas que apelem à participação e ao voto humorado dos telespetadores. Lembrei-me, por exemplo, de lançarmos a escolha da personalidade portuguesa do ano. Com a ironia que nos carateriza não seria tarefa fácil a votação. Entre Vale e Azevedo, o português inocente mais perseguido pela justiça nacional, ou Miguel Relvas, o estudante mais produtivo que há memória, ou, por exemplo, Artur Baptista da Silva, o português voluntário que mais rapidamente dignificou a ONU, a escolha da personalidade do ano seria complexa.

 

Claro que, propositadamente, e por razões sentimentais, omito das opções Godinho Lopes e a sua gestão desportiva de sucesso. Não é que não mereça lá constar. Ele e uns outros, mas isso agora não interessa nada…

publicado por pontoprevio às 18:09

mais sobre mim
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

17
18
19
20
21
22

24
25
26
27
28
29

31


pesquisar
 
blogs SAPO