Dezembro 26 2011
 
 

Reflexos e trajetos

Exaltam a consciência

Num lugar incógnito

Num tempo sem escala

Numa vertigem silenciosa

Desalinhada

E única!

 

É isso quando te procuras

Revendo o futuro

Como se antecipado estivesse,

Porque o passado,

Por mais conturbado,

Por certo muito te merece.

 

Mas será sempre difuso,

Porque o que ocorreu

É tudo o que amanhã reescreverás,

Aquilo que entenderás,

E adjetivarás.

 

Por isso não acredites tanto no passado

Sem saber se te conheces

Sem saber ao que padeces

Porque ele pode ficar mal contado!

 

Deixa-te primeiro crescer,

Deixa-te primeiro vencer!

Por cada resolução

Por cada incompreensão

Conquistarás a tua paz!

 

publicado por pontoprevio às 18:11

Amei! Simplesmente arrebatador!
Sónia Antunes a 26 de Dezembro de 2011 às 19:04

mais sobre mim
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
27
28
29
30
31


pesquisar
 
blogs SAPO